Em setembro o projeto MusiCâmara terá a participação de Alexandre Ritter (contrabaixo) e André Loss (piano), que apresentarão um repertório com obras de Maurice Ravel, J. C. Bach, Antonio Vivaldi, Johan Sebatian Bach e Ernest Bloch.

Com realização da PRESTO Produções e Promoções Artísticas e do Ministério da Cultura, os concertos do MusiCâmara ocorrem nos dias 26 e 27. Na quinta-feira, 26, às 19h30min, o programa será apresentado no Instituto Federal Sul-Riograndense – IFSUL (Avenida Copacabana, 100, Piratini), em Sapucaia do Sul. Na sexta-feira, 27, o concerto poderá ser visto na Igreja do Relógio (Rua Osvaldo Aranha, 450), em São Leopoldo, também às 19h30min.

De acordo com Alexandre Ritter, “o programa busca acima de tudo, levar o ouvinte a um estado de reflexão”, explica. “Por isso, decidi buscar um repertório intimista, sóbrio, profundo e talvez para alguns, triste”.

Conhecendo os músicos

Alexandre Ritter, contrabaixo – Estudou com vários professores no Brasil e na Itália. Sua dedicação em aprender sempre mais o fez participar de diversos festivais de música, realizando também masterclasses com renomados contrabaixistas, como Franco Petracchi, Joel Quarrington, Edwin Barker, Gary Karr e François Rabbath.

Tem grande experiência como músico de orquestra, tendo participado em orquestras da América do Sul e América do Norte. No Brasil integrou as Sinfônicas de Porto Alegre e Paraná, e nos Estados Unidos, as Sinfônicas de Savannah, Charleston, Greenville e Augusta.

Além do Brasil, Estados Unidos e Itália, Alemanha, Argentina, Canadá, Costa Rica e França também conheceram o trabalho de Ritter, que atua como músico sinfônico, camerista e solista.

Fomentar e propagar um repertório camerístico e solístico de música clássica totalmente novo, voltado para contrabaixo, é um dos objetivos do músico. Ritter pretende desenvolver este trabalho por meio de recitais no Brasil.

André Loss, piano – Com formação musical e acadêmica no sul do Brasil e doutorado nos Estados Unidos, o pianista atua como solista e camerista na América do Sul e na América do Norte.

Loss obteve premiações em diversas competições nacionais, tais como o 3° Prêmio no I Concurso Nacional de Piano Villa-Lobos de Vitória, ES, e Mensões Honrosas no I Concurso Nacional de Piano de Juiz de Fora, MG, e no V Concurso Nacional Arnaldo Estrella de Goiânia, GO, além de além de participar do 10º Concurso Internacional de Piano Robert Casadesus, em Cleveland, Oh, e do I Concurso Internacional da PUC de Porto Alegre, RS.

O pianista também teve participações em várias orquestras como Orquestra Sinfônica de Porto Alegre, Orquestra Sinfônica do Estado de São Paulo, Eastern Illinois Symphony Orquestra, Orquestra de Câmara do Teatro São Pedro, entre outras.

O músico apresentou recitais e ministrou masterclasses no Brasil e nos Estados Unidos, executando também a função de professor no exterior. Atualmente ensina na Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS), em Porto Alegre.

Gravou um CD com a soprano Adriana Zignani, pelo qual recebeu o Prêmio Açorianos de melhor CD de música erudita da cidade de Porto Alegre, e em 2013 lança um CD duplo em conjunto com os pianistas Cristina Gerling, Ney Fialkow e Catarina Domenici, integrando obras para piano do compositor brasileiro Camargo Guarnieri.

Loss também mantém um projeto de recuperação e difusão de partituras de concertos para piano de compositores do século XVIII e pré-românticos. Hoje forma duos com o contrabaixista Alexandre Ritter e a violoncelista Marjana Rutkowski.

Programa:

Kaddisch – Maurice Ravel (1875 – 1937)

Adagio – J. C. Bach (1735 – 1782)

Sonata Nº 5 para Violoncelo e baixo contínuo em Mi menor – Antonio Vivaldi (1678 – 1741)

Intervalo

Sarabande da Suite Nº 5 para violoncelo solo – Johan Sebatian Bach (1685 – 1750)

Prayer – Nº 1 from Jewish Life – Ernest Bloch (1880 – 1959)

Sonata Nº 3 para Violoncelo e baixo contínuo em Lá menor – Antonio Vivaldi (1678 – 1741)

Serviço:

O quê: Projeto MusiCâmara, com Alexandre Ritter e André Loss
Quando: 26 de setembro, quinta-feira, às 19h30min.

Quando: Instituto Federal Sul-Riograndense – IFSUL (Avenida Copacabana, 100, Piratini), em Sapucaia do Sul
Entrada franca

O quê: Projeto MusiCâmara, com Alexandre Ritter e André Loss
Quando: 27 de setembro, sexta-feira, às 19h30min.
Onde: Igreja do Relógio (Rua Osvaldo Aranha, 450), em São Leopoldo 

Entrada franca

Saiba mais sobre o projeto MusiCâmara

Com o objetivo de ser um importante elemento na formação cultural da comunidade e contribuir na valorização da música erudita, o MusiCâmara teve início em 25 de abril de 2008. Desde então, já foram realizados 60 concertos.

Além de proporcionar cultura à comunidade, o projeto também atua com um diferencial didático junto aos alunos da rede municipal. A cada mês um músico vai até uma escola – indicada pela Secretaria Municipal de Educação (Smed) – com o propósito de explicar aos estudantes o que será apresentado no concerto, entre compositores, obras e instrumentos.